Theme
Odaxelagnia
Nina, 19.

deitada na minha cama

a muito tempo de calça larga e camiseta

penso em como você fez eu me apaixonar

mas na verdade o que mais sinto é desespero

e a preocupação toma conta do meu ser

agora percebi que o meu maior medo se tornou realidade

sempre soube que isso me faria mal

você sempre foi dela

ela sempre foi sua

e eu sou o problema

a gastrite ataca e as lágrimas escorem

essa não é uma história com final feliz

no meu conto de fadas eu nunca sou a princesa

ontem tinha medo de me apaixonar

e hoje vi que sou uma babaca

a blusa larga esconde meu peito suspirando

a calça não usada a muito tempo remata lembranças de sofrimento

coloquei sua banda favorita

lembrei da minha primeira vez na sua casa

e senti como se o destino tivesse me levado

isso tudo são palavras ao vento

o frio da noite me consome

penso em pegar um chá

ouço this is halloween no violino empolgadamente

e percebo o quanto sou estranha

o mundo parece girar mais rápido

todo meu autorismo e sistemática veem a tona

me sinto como uma bomba relógio

tudo parece mais obscuro

e a vontade de acabar com algo que desconheço surge

fazia tempos que não escrevia

colocar tudo isso em palavras não faz sentir melhor

quero um copo de vodka puro

afogar tudo o que sinto em uma noite

e fingir que nada nunca existiu

sensação de desmaio, olhos fechados

o estomago apertado

a tosse voltou comprimindo o peito

a falta de ar faz eu voltar a realidade

e a vontade de ter você aqui surgiu

E o prêmio de "Babaca do Ano" vai pra mim, por achar que você realmente sentia alguma coisa.
Meu nome é Gabriel Sander. (via sorriso-so-risos)
toc toc

toc toc na minha janela

toc toc na minha perna

toc toc na minha porta